8 Problemas comuns em playgrounds e como corrigir

8 Problemas comuns em playgrounds e como corrigir

Algumas crianças com problemas de atenção e aprendizagem podem apresentar dificuldades com as regras sociais e dos equipamentos nos playgrounds. Aqui estão os problemas mais comuns e como você pode ajudar seu filho a ficar longe deles.


Ser vítima de bullying ou testemunha

O bullying é diferente de provocações, é uma forma de humilhação contínua e frequentemente se intensifica com o tempo. Ele pode incluir xingamentos, insultos, apelidos de mau gosto, ameaças, exclusão social e até mesmo violência física.

Como ajudar: Esteja sempre acessível e seja proativo. Explique o que o bullying é para seu filho e faça com que ela se sinta confortável para reportá-lo para você ou ao professor responsável se ele sofrer ou ver alguém sendo agredido dessa forma. Diga que não há problema em se afastar caso não se sinta seguro.


Ser agressivo com outras crianças

As crianças podem sofrer de impulsos de controle e ter dificuldade em filtrar o que dizem umas as outras. Elas podem empurrar outras crianças, correr sem prestar atenção ou insultarem inconscientemente. Também é um problema eles não terem noção do quão destrutivos estão sendo.

Como ajudar: Estabeleça regras incisivas para agressões físicas, para que seu filho entenda quais serão as consequências futuras para este tipo de ato. Encoraja-o a usar palavras ao invés do corpo para se comunicar, e lembre-o que não é apropriado bater em outras crianças. Se ele quiser ir em um brinquedo que já está ocupado deve ser educado e perguntar.


Lidar com ganhar ou perder

As crianças que se gabam muito quando ganham algum tipo de competição podem fazer outras se sentirem mal pela perda. Na mesma proporção, eles podem se sentir muito chateados quando perdem e insistir em trapacear nas próximas vezes.

Como ajudar: Diga para seu filho que se ele se gabar e zombar de crianças que perderam ele não poderá brincar mais. Lembre-o que joguinhos de playground ainda são apenas jogos, e não há problema em se sentir bem por ganhar, mas que não é legal fazer outros se sentirem mal por isso. Incentive-o através de frases de incentivo, como: “Bom jogo!” ou “Você foi muito bem!”.


Não ser capaz de manusear os brinquedos

Algumas crianças com problemas motores podem não conseguir brincar em todo o playground e passar por dificuldades, como:

  • Subir escadas;
  • Usar as barras;
  • Ir no balanço;
  • Deslizar no escorregador.

Como ajudar: Ajude seu filho a praticar quando o playground não tiver muitas crianças, assim ele pode se sentir menos envergonhado. Ajude-o a gostar mais de brinquedos que ele tem facilidade.


Não fazer turnos nos brinquedos

No playground as crianças tem que dividir os equipamentos, fazer turnos e se comunicar umas com as outras. Quer estejam brincando organizadamente ou esperando por turnos, essa pode ser uma tarefa complicada para as crianças, pois envolve prestar atenção, entender regras sociais e processar informações que podem levar a um conflito coletivo.

Como ajudar: Quando estiver brincando com seu filho, seja um modelo. Pratique a linguagem social, como: “Minha vez!” ou “Agora é você!”, e até mesmo um “Preste atenção em mim!” quando ele não quiser obedecer. Deixe que ele saiba que não há problema em pedir para ir em um brinquedo se estiver esperando a muito tempo, e em caso de recusa, para chamar um adulto para resolver o problema sem se encrencar.


Não querer brincar com outras crianças

Pode ser que a criança em questão não saiba como começar uma conversa ou pedir para entrar em um jogo, e por isso, também não entender quando outras crianças não a chamam para brincar. Isso faz com que fazer amizades se torne uma tarefa mais complicada.

Como ajudar: Pratique com a criança as palavras que ela pode usar com outras crianças, como: “Olá, eu sou Fulano, qual seu nome?” e “Você quer brincar no balanço comigo?”.


Correr riscos nos brinquedos

As crianças podem apresentar problemas em controlar seus impulsos e agem antes de pensar. Isso pode resultar em um comportamento arriscado como pular de alturas inadequadas, balançar muito rápido ou agir de maneira violenta.

Como ajudar: Converse com seu filho sobre respirar e pensar um pouco antes de agir. Além disso, tente visitar playgrounds que possuam os brinquedos da Instrutoy, que são seguros e com pisos seguros amortecedores ou areia.


Provocações

O playground é um ambiente de alta interação infantil, é comum ouvir algumas provocações de boa natureza, como: “Uau, esses tênis novos te deixam muito rápido!”, mas algumas são maldosas, como: “Esses tênis são muito feios!”. As crianças devem aprender a diferença entre os dois tipos para não magoar umas as outras.

Como ajudar: Explique a diferença entre brincar amigavelmente e provocar maldosamente. Além disso, ensine sua criança como reagir quando for provocada, com frases como: “Eu não gostei disso” ou “Isso me magoou”.

Com essas dicas seu filho se desenvolverá de forma muito mais saudável socialmente!

Comentários

Este artigo ainda não possui comentários.
FAÇA UMA PERGUNTA!

Seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *